A REVISTA BRASILEIRA DE AVIAÇÃO MILITAR   

Nas Bancas
Clique na capa para vê-la maior
Edição nº 111

Abr./Mai.


 Capa
 Neste Número
 Nº Anteriores
 Action Editora
 Links
 Contato
Em destaque nesta edição
SiLy Powietrzne        
100 Anos da Força Aérea Polonesa!

Em 2018 a Força Aérea Polonesa comemora o 100o aniversário de sua fundação. Foi criada em 1918, como a arma aérea do renascido Exército Polonês, obtendo honras nas batalhas na Guerra Polaco-Soviética, Polaco-Ucraniana e na Segunda Guerra Mundial – quando atingiu o seu ápice com as façanhas do 303 Squadron quando foi a unidade Aliada mais eficiente na Batalha da Grã-Bretanha. Quase 30 anos depois do colapso do comunismo, as Forças Armadas da Polônia são um confiável componente da OTAN – Organização do Tratado do Atlântico Norte, apesar de a adoção de equipamento ocidental ainda não estar completa. Caças Lockheed Martin F-16 Block 52 no estado da arte ainda são apoiados por antigos MiG-29 nas tarefas ar-ar e por caças-bombardeiros Sukhoi Su-22 nas missões ar-solo. A fase inicial de uma licitação para a aquisição de uma nova aeronave tática já foi lançada, mas a decisão ainda está um pouco distante. Acredita-se que a substituição de aviões soviéticos mais antigos seja por um pequeno número de caças F-35 ou um número maior de F-16V. A situação é melhor na área do transporte, uma vez que os C295M apoiados por Lockheed C-130, ex-USAF, transportes M28 fabricados localmente e Gulfstream G550 e Boeing 737-800 novos (para o transporte VIP) deem conta do recado. A entrada em serviço de oito Leonardo M-346 Master de treinamento avançado (com mais células esperadas) reforçará a frota da Escola de Voo de Deblin. Infelizmente a força de asas rotativas vem enfrentando sérios problemas – pois ainda estão em uso antigos Mil Mi-2, Mi-8, Mi-17 e Mi-24 russos. Duas concorrências estão em curso (oito helicópteros para o uso com as forças especiais e quatro para a guerra antissubmarino e o SAR), mas as aeronaves utilitárias, de transporte e de ataque, ainda não têm substitutos em vista.
A Revista Força Aérea leva o leitor ao dia-a-dia das unidades da Força Aérea, da Aviação do Exército, da Aviação Naval do Brasil e de diversos outros países. Personalidades que decidem os rumos da defesa no ar, novas técnicas e equipamentos, mudanças nas estruturas das grandes forças aéreas, operações, e as mais importantes feiras internacionais são cobertas com grande detalhe. Missões aéreas policiais, combatendo o crime nas grandes cidades também são analisadas e acompanhadas.

Das lições da história às tecnologias do futuro, tudo isso e muito mais em Revista Força Aérea, a Revista Brasileira de Aviação Militar.
 
Copyright © 1995 - 2018 - Action Editora Ltda. Todos os direitos reservados.
Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem prévia autorização